Projetos de inclusão, cidadania e cultura digital para a cidade de São Paulo são selecionados em Edital



As inscrições ficam abertas entre 20 de agosto e 19 de setembro e deverão ser realizadas por meio cadastro na nova plataforma de gestão cultural SP Cultura e entrega do projeto e da documentação no Núcleo de Fomentos Culturais da Secretaria Municipal de Cultura.
Ao todo, serão investidos R$ 3,7 milhões.

A iniciativa apoiará até 62 propostas de inclusão, cidadania e cultura digital, que deverão prever, dentre o conjunto de atividades, ações a serem desenvolvidas em telecentros, praças do programa WiFi Livre SP e em parceria com os Pontos de Cultura de São Paulo. A ideia é promover e fortalecer ações de cultura e inclusão digital e promover iniciativas de ocupação dos espaços públicos na cidade de São Paulo.

Os projetos inscritos serão distribuídos em três grupos:

  • categoria A, para pessoa jurídica sem fins lucrativos - serão selecionados 7 projetos no valor máximo de até R$ 140 mil cada um. Estas propostas devem contemplar 4 macrorregiões da cidade e desenvolver, ao menos, 120 horas de atividades em telecentros da rede municipal (contemplando 10 unidades), além de 72 horas de atividades nas praças do Programa Wifi Livre SP e/ou Pontos de Cultura das regiões indicadas;
  • categoria B, para pessoa jurídica sem fins lucrativos - serão selecionados 20 projetos no valor máximo de R$ 70 mil cada um, abrangendo 2 macrorregiões da cidade, ao menos 60 horas de atividades em telecentros(contemplando, no mínimo, cinco unidades), além de 36 horas de atividades nas praças do Programa WiFi Livre SP e Pontos de Cultura das regiões indicadas;
  • categoria C, para grupos/coletivos de pessoas físicas - serão selecionados 35 projetos no valor máximo de R$ 36 mil cada um, que deverão ter ao menos 48 horas de atividades nas praças do Programa WiFi Livre SP em uma das macrorregiões da cidade. A distribuição dos projetos contemplados nesta categoria deverá garantir o mínimo de 5 projetos por macrorregião da cidade.
As linhas de ação deste edital estão sintetizadas em cinco temas principais: formação, produção artístico-cultural, comunicação, desenvolvimento e ocupação do espaço público pela cidadania. Os resultados apresentados poderão ser atividades coletivas como debates, encontros, oficinas, criação de blogs, sites, veículos de jornalismo comunitário, interações e inovações artísticas, aplicativos, novos pontos de encontro, entre outras novidades.

Uma comissão paritária formada por 12 membros, sendo 6 da sociedade civil e outros 6 do poder público, selecionará os projetos com base nos critérios previamente estabelecidos pelo edital.



+ Consulte o edital na íntegra em pdf


+ Ouça o áudio do edital na íntegra

+ Acompanhe o calendário de oficinas de divulgação e orientação

 

Fonte: Secretaria de Cultura de São Paulo
0 Responses

Postar um comentário